Ceramic Vases

BLOG

Design de interiores e Arquitectura

Oferecemos soluções de decoração prontas-a-montar, num serviço 100% Online.

Dicas para um bom projecto da sua Cozinha

Se tomar atenção a estes factores, questionar o seu arquiteto ou construtor sobre eles, a garantia de ter sucesso na sua obra vai ser enorme.


1 - Funcionalidade

A funcionalidade do espaço cozinha é muito importante e deve ser estudada na fase de projecto, já que toda a dinâmica de uma cozinha, é complexa.

A colocação correcta dos armários, eletrodomésticos, bancada de trabalho é decisiva para um bom funcionamento.

Poderá, mesmo em cozinhas pequenas, realizar um pequeno exercício que vai ajudar a perceber o espaço. Tente definir áreas de actividade para depois garantir a sua organização:

· área de armazenamento

· preparação e confeção,

· limpeza e resíduos.


Exemplo de boas práticas de funcionalidade: a máquina de lavar a loiça deverá estar do lado esquerdo do lava-loiça para fácil colocação da mesma e ao lado da máquina pode colocar um bloco de gavetas para arrumação de talheres e pratos, para arrumação fácil no momento em que saem da maquina.


2 - Iluminação

A iluminação, seja natural ou artificial, é muito importante para a sua Cozinha. Uma má iluminação compromete o espaço em termos de funcionalidade e visual.


Se existir luz natural deverá aproveitar ao máximo, o ambiente e a dinâmica irão sair muito mais agradáveis no seu novo projecto. Uma cozinha deverá ser sempre um local com muita luz, principalmente na bancada de trabalho.

A luz neste espaço deverá ser branca, e quanto mais escuros forem os moveis são mais os cuidados de iluminação que deverá ter.


3 – Pontos de alimentação eléctrica

A definição dos pontos eléctricos deve ser feita antes de instalar os móveis, assim deverá pensar em todos os eletrodomésticos que quer colocar e onde.


Para além das tomadas para os aparelhos fixos nas alturas apropriadas (frigoríficos, congeladores, garrafeiras, máquinas loiça, roupa, secador, placa, forno), pense também nos pequenos eletrodomésticos e onde os vai colocar para não ficar com a torradeira ao “colo”. Nas ilhas tão na moda que estão, coloque tomadas de bancada muito úteis para pequenos aparelhos e na dúvida acrescente sempre mais uma ou duas.


4 – A disposição dos móveis

Para a correcta disposição dos móveis na sua Cozinha, deixamos-lhe várias dicas:

  1. O rodapé, sempre que possível, deverá ser recuado em relação ao alçado dos móveis inferiores. Aconselhamos 10cm para conseguir avançar os pés e ter melhor postura nos trabalho de bancada, como lavar a loiça.

  2. As portas basculantes por vezes são necessárias, mas a sua utilização é menos prática.

  3. Em opção, opte sempre por gavetões pois o armazenamento e acesso de tachos, pratos, caixas etc. é muito mais facilitado. A arrumação em gavetões que vêm ao nosso encontro acabam com aquelas pilhas tradicionais de utensílios, nas prateleiras dos armários com portas.

  4. Debaixo do lava-loiça é um espaço sempre condicionado e fantástico para colocar um gavetão para os artigos de limpeza e caixotes de reciclagem

  5. Os armários devem ir até ao tecto, para maior aproveitamento do espaço e anular espaços de sujidade, e eventual contaminação.

  6. Os puxadores são peças que se têm de escolher com cuidado, pois se a cozinha não é muito espaçosa, e se os puxadores são salientes vamos esbarrar neles a toda a hora. Aconselhamos a usar pelo menos nos moveis inferiores, puxadores embutidos tipo cava ou perfil de alumínio, moldados nas portas ou com sistema clikclak.

5 - Eletrodomésticos

Para anular alguns contratempos com erros no tamanho dos móveis por indefinição dos eletrodomésticos, deverá adquirir todos os que precisa antes de começar a obra.


6 – Bancadas

As medidas exactas das bancadas só deverão ser tiradas pelo canteiro (especialista em pedroa), após a instalação dos móveis para anular algum desvio ou correção de medidas na montagem.


7 – Espaço entre área molhada e área elétrica

É norma obrigatória e muito importante que exista um espaço, no mínimo de 40cm, entre a zona do lava-loiça, que deverá ter um desnível em relação á restante bancada, e a área elétrica de uma placa ou fogão existente.


8 – Localização dos sifões

Deverá ter muita atenção á colocação dos sifões de esgoto, pois ao localizarem-se geralmente no pavimento, muitas vezes ficam tapados pelos móveis, tornando-se uma confusão mais tarde para saber onde estão e como aceder.


9 – Torneiras

Muita atenção à escolha do modelo da torneira com o entusiasmo da obra, muitas vezes trocamos por uma mais gira e depois não dá com a cuba ou com as ligações existentes. O ideal é verificar as ligações, sendo que a saída de água deverá cair no ralo da cuba. Sempre que trocar de torneira deverá consultar o arquiteto ou construtor.

Quando existe janela e o lava-loiça se situar à frente desta, deverá ter em atenção à abertura da janela. Se for de correr não haverá problema, mas se for de abrir terá que colocar uma torneira rebativel.


10 – Torre de forno e micro-ondas

A torre moderna com forno e micro-ondas é um dos actores principais numa cozinha moderna, mas em espaços pequenos devemos optar por colocar forno sob a placa e o micro-ondas na bancada ou suspenso, pois a torre rouba muito espaço à “preciosa” bancada. Atenção que se colocar o micro-ondas suspenso este não deverá ficar a mais de 130 cm no pavimento, para fácil manuseamento.


Próximos conteúdo: Revestimentos de cozinha paredes e pavimento

· Como deve escolher o pavimento para a sua cozinha

· Quais os melhores revestimentos e como usar

Fique atenta à sua caixa de email.

8 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo