Cesta de Flores

BLOG

Design de interiores e Arquitectura

Oferecemos soluções de decoração prontas-a-montar, num serviço 100% Online.

Hall de entrada: Deve ou não investir em decoração?



Por não ser exatamente um espaço de convivência a pergunta é se devem investir na decoração do hall de entrada. Adiantamos que a resposta para essa pergunta é: sim!

Isso porque esta divisão é o espaço que vai transmitir a mensagem de boas-vindas. Quando alguém chega e abrimos a porta, este é o primeiro sítio que será visto.

Por isso, a decoração, composição e cenário precisa de refletir um pouco do seu estilo, personalidade e gosto.


Para conhecer as dicas de decoração continue a leitura e fique a par das principais tendências!




Hall de entrada: 5 dicas de decoração que vão torná-lo num espaço convidativo e aconchegante

Como já dissemos anteriormente, o hall de entrada é o cartão de visita da sua casa, mais luxuosa ou mais prática, não importa. Por este motivo, é necessário muito cuidado e atenção na hora de projetar e organizar o espaço, e assim garantir uma boa harmonia entre os ambientes.

A seguir apresentamos 5 dicas que vão ajudar a planear a decoração deste ambiente.


1. As cores ideais

Este é o espaço em que vai rececionar os convidados, portanto deve impressionar e ao mesmo tempo ser convidativo.

Neste sentido, recomenda-se optar por cores neutras, porque ficam bem com tudo, são atemporais, elegantes e agradam a todos os gostos.

A par disso, os tons terrosos, que são quentes, alguns itens em madeira, ou um elemento natural, proporcionam maior sensação de conforto.



2. Escolher corretamente os móveis

Além de recetivo, o hall também deve ser funcional. É importante escolher móveis que ao mesmo tempo permitam a circulação e sirvam de espaço de armazenamento.

Alguns dos móveis mais importantes são um bengaleiro ou ganchos para deixar os casacos, uma cómoda ou aparador. É claro que os mesmos devem seguir o estilo de decoração do resto da casa. E se o espaço for relativamente grande, poderá colocar uma poltrona para compor o espaço.

Uma sapateira também pode ser uma boa adição, especialmente se tem uma carpete ao longo do piso. Ter este móvel também vai ajudar a manter a casa limpa e os sapatos arrumados.


3. A iluminação é fundamental

A iluminação deve ser convidativa, pois o hall tem o objetivo de despertar o desejo de entrar e de se sentir em casa. Neste sentido, é indicado o uso de lâmpadas com luz amarelada e suave, que são mais agradáveis e transmitem a sensação de conforto.

Luzes indiretas embutidas no teto ou em nichos e aberturas na parede são bonitas e provocam uma boa impressão. Arandelas, pendentes e lustres causam o mesmo efeito e ainda servem como peça decorativa.


4. Escolha acessórios de decoração

A decoração do hall representa uma prévia do resto da casa. Portanto, os acessórios devem ser escolhidos de forma a harmonizar o espaço com o resto do lar.

Aposte em objetos originais e que traduzam a personalidade dos moradores. Quadros, fotografias, esculturas e vasos com flores são sempre ótimos para compor qualquer decoração.



5. Lembre-se que o espaço pode ser “ampliado”

Se tem um hall de entrada pequeno é importante escolher muito bem a decoração do espaço para que não transmita a sensação de um local estreito e amontoado.

Para dar amplitude a halls pequenos, o ideal é usar espelhos, cristais, ou bronzes que estão em alta.

Outro aspeto importante é a altura do teto, o chamado pé direito. Uma boa dica para contornar tetos mais baixos é usar desenhos com linhas verticais nas paredes e uma iluminação mais clara. Aumentando, portanto, a sensação de espaço.

Inspire-se nestas dicas e invista na decoração do seu hall de entrada. A sua casa vai ficar ainda mais convidativa e aconchegante ao receber visitantes.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo